.posts recentes

. AS CRIANÇAS

. DR. JEKYLL AND MR. HYDE

. A VIDA

. QUE FAZER QUANDO SOMOS PE...

. CONFIDENTES

. LES LIAISONS DANGEREUSE...

. IL GATTOPARDO

. COMMONWEALTH vrs EUROPA

. DO HOLOCAUSTO À EUTANÁ...

. AS JUVENTUDES

.arquivos

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Dezembro 2012

. Abril 2011

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Janeiro 2008

. Maio 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Outubro 2006

. Setembro 2006

Sábado, 16 de Abril de 2011
ACONTECE - portugalingovernavel

ACONTECE

Na folha de rosto de o semanário "O Diabo", em Outubro de 2003, lê-se:



"ASSALTO ÀS FINANÇAS - 240 milhões de contos a arder

1,2 mil milhões de euros é o valor aproximado das dívidas dos contribuintes da região de Lisboa ao Fisco que constavam do terminal informático roubado às Finanças. Com processos à beira da prescrição, grande parte daquele valor é praticamente incobrável."



A ministra - leia-se: Manuela Ferreira Leite - terá respondido "telegraficamente", mas "O Diabo" diz saber que os 1,2 milhões de euros em causa corresponderiam apenas a "mais ou menos metade da dívida total (aproximadamente 2,1 milhões de euros) do País ao Fisco. Mas estes números podem vir a subir. (...) Aliás, toda a receita fiscal se encontra em forte quebra e o "buraco" só não é maior porque o chamado "perdão fiscal" decretado em finais do ano passado (2002) por Manuela Ferreira Leite vigorou até 9 de Janeiro deste ano (2003) e muitas empresas esperam pelo último dia para saldar as suas dívidas". Roubo "por muitos considerado cirúrgico", de um terminal que "continha os nomes dos contribuintes da região de Lisboa que devem acima de 100 mil contos ao Fisco".



Comentários : (pg.9 do mesmo semanário)



J.César das Neves: "Parece ser claramente um fenómeno de encobrir fugas ao Fisco, o objectivo do roubo não deixa grandes dúvidas"



Sarsefield Cabral: "É lamentável num País onde a fuga fiscal é tão grande"



Saldanha Sanches: o roubo "é uma reacção à tentativa de desmantelar redes de corrupção interna que têm funcionado impunemente com a conivência de funcionários"



Os "responsáveis dos serviços" diziam que "a tendência dos crimes fiscais é para aumentar, face ao cenário de crise em que o País continua teimosamente mergulhado"



Isto em 2003 com Cavaco ao leme e Manuela Ferreira Leite nas Finanças... ACONTECE

ACONTECE - portugalingovernavel

publicado por petitprince às 19:27
link do post | comentar | favorito
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Outubro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.tags

. todas as tags

.favorito

. A POLÍTICA E A VIDA

. HOW IMPORTANT IT'S THE ...

blogs SAPO
.subscrever feeds